Piggy Gold

Parcerias com setor privado podem alavancar investimentos em infraestrutura, diz Robson Andrade

A importância do programa de concessões para ampliar os investimentos estruturantes da economia brasileira é discutida em reunião do presidente da CNI, Robson Braga de Andrade, com o presidente Michel Temer

O sucesso das privatizações , como o caso da Vale e o setor de telecomunicações, pode ser replicado no setor de infraestrutura brasileira com mais parcerias com a iniciativa privada. Em reunião com o presidente Michel Temer, nesta terça-feira (13), o presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Braga de Andrade, reforçou a importância do programa de concessões para ampliar os investimentos estruturantes da economia brasileira. 

“Falamos da necessidade de que o governo tenha parceiros em setores, não só como nos aeroportos, mas também em portos, petróleo, gás e energia”, disse Andrade, ao fim do encontro. O presidente da CNI foi ao Palácio do Planalto acompanhado dos presidentes das federações da indústria do Distrito Federal, de Goiás, de Mato Grosso do Sul e Espírito Santo para tratar, entre outros temas, de projetos do Programa de Parceria e Investimentos (PPI), que reuniu seu conselho nesta terça-feira. 

PARCERIA E INVESTIMENTO – Criado pela Medida Provisória no 727/2016, o PPI tem como objetivo estreitar a parceria entre o governo federal e o setor privado na execução de obras na área de infraestrutura. Para a CNI, o aumento da participação privada no aporte de capital e na gestão de empreendimentos é imprescindível para que o país reverta o déficit histórico em áreas como transporte e logística e saneamento básico.

Relacionadas

Leia mais

Mais acordos comerciais para a indústria
Burocracia no setor portuário custa até R$ 4,3 bilhões por ano para o Brasil
Indústrias brasileira e argentina criam Conselho Empresarial

Comentários

Piggy Gold Mapa do site